domingo, 26 de julho de 2015

WAGNER BORGES - HÁ ALGO MAIS... UM AMOR. UMA LUZ. - LXXVIII


               

HÁ ALGO MAIS... UM AMOR. UMA LUZ. - LXXVIII
                        
                             (poema recebido espiritualmente por Wagner Borges -
                            OS XAMÃS DA COLINA SAGRADA)

- A água é sagrada!
(Mas só a sede ensina isso).
- O fogo é sagrado!
(Porque representa a Luz).
- Os amigos são sagrados!
(Mas só a solidão ensina isso).
- O corpo é sagrado!
(Mas só a doença e a fraqueza física ensinam isso).
- A Mãe-Terra é sagrada!
(Mas só quem vive sabe disso).
- O Amor é sagrado!
(Mas só a dor de uma perda ensina isso).
- As estrelas são sagradas!
(Mas só quem expande a consciência sabe disso).
- Manitu* é tudo!
(O povo vermelho sempre ensina isso).
- A música é sagrada!
(É presente do Grande Espírito).
- O vento sussurra mensagens sutis...
(Mas só quem viaja pelo coração escuta).
- Todo homem é sagrado!
(Porque é filho do Grande Espírito)
- O choro do Xamã é sagrado!
(Porque, enquanto ele chora Manitu* lava sua alma).
- O sono é sagrado!
(Porque é o recreio do espírito, que sai do corpo para voar pelos céus do Grande Espírito).
- O trabalho é sagrado!
( Porque a natureza da vida é a atividade).
- Nenhum homem é capaz de ver a glória de Manitu*!
Para isso, é preciso aquietar a mente e fechar os olhos carnais, para "ver com o próprio espírito").
- A dança dos espíritos é com as estrelas!
(É dança de imortalidade e reverência à vida gerada por Manitu*).
- A vida é sagrada!
(Mas é preciso viver para aprender isso).
- Irmãos de jornada se amam e se respeitam!
(E nada pode separá-los do Amor de Manitu*).
-  Quando vêm a chuva, os Xamãs se emocionam e agradecem ao Grande Espírito!
(Porque eles sabem que a água é sagrada)
- Quando a morte do corpo chega, o Xamã sobe com o vento sutil e vai dançar com os espíritos, por entre as estrelas...
(Porque ele sabe que há algo mais... Um amor. Uma luz).
- Na imensidão universal só o poder de Manitu* é real!
(A sabedoria dos povos nativos sempre ensina isso).
- Povos pele-vermelha, pele-negra, pele-branca e pele-amarela...
(Todos são povos pele-Luz. Todos são povos pele-Manitu*! Por isso, os Xamãs sempre ensinam que todas as peles são sagradas).
- Manitu* só fala aos corações, e diz que há algo mais...
(E os espíritos e os Xamãs compreendem que é um Amor e uma Luz).



* Manitu - designação que os índios algonquinos, dos EUA, dão a uma força mágica não personificada, mas inerente a todas as coisas, pessoas, fenômenos naturais e atividades. Ou seja, o Grande Espírito.


               

Nenhum comentário:

Postar um comentário